31 de julho de 2008

Oração a Brighid


Abençoada seja, a Senhora do fogo!
Deusa da cura e da sapiência,
Forja ardente que transforma o ferro em aço,
Protegei seus filhos com benevolência.

A semente que irradia a promessa
No ventre sagrado à luz renovada
Esteja entre nós nesta roda solar
Iluminando-nos com sua chama sagrada.

O doce mel que purifica nossa alma
Despertai a alegria do coração,
Com o hidromel, o néctar dos Deuses.
Salve Brighid amada, pela divina inspiração!

Rowena Arnehoy Seneween ®

Extraído do livro Brumas do Tempo
Todos os direitos reservados.

"Meu fim é o meu começo."

Lá Fhéile Bríde... Awen!

Saiba mais: Festival de Imbolc

10 de julho de 2008

A pessoa errada

Todo mundo sabe o que é o amor - na teoria!

Mas é na prática que podemos entender o que realmente é esse sentimento - que todo mundo deseja e que todo mundo morre de medo!

São as "pessoas erradas" que nos fazem entender a forma certa de amar.

São as "pessoas erradas" que nos sacodem, que nos tiram da frente da mesa de projetos e nos jogam na vida real.

São as "pessoas erradas" que nos ajudam a crescer.

E essas pessoas não são necessariamente "erradas".

Essas pessoas são, na verdade, apenas DIFERENTES do que tínhamos em mente!

Diferentes em sonhos, em experiências, em expectativas, em comportamentos, em ideais.

Mas ainda assim pessoas riquíssimas em alma, repletas de lições...

Nada na vida pode ser PROGRAMADO por nós!

Podemos desenhar, rascunhar e esperar que nossos rascunhos se tornem obras prontas um dia - mas é só. A vida é cheia de surpresas - e todas elas têm o intuito de nos fazer crescer.

Deixemos que as "pessoas erradas" façam parte de nossas vidas, entrando e saindo naturalmente de nossas vidas - ou permanecendo, se assim desejarmos, se assim desejarem.

É bom sentir a diferença entre os mundos, entre os sonhos, entre as expectativas...

E entender que nós não somos, também, necessariamente, as "pessoas certas"!!!

Por Lydia Gomes
Todos os direitos reservados.

Beijos e bênçãos!

6 de julho de 2008

A arte da dança

Dançar é a arte de movimentar o corpo harmoniosamente em uma seqüência ritmada, ou seja, é a forma como o corpo se move segundo uma composição coreográfica, num determinado tempo e espaço, expressando assim, os mais nobres sentimentos contidos em um segmento musical.


A dança quando voltada à terapia, tem o poder de libertar antigas amarras e bloqueios que dificultam a interação do ser humano ao meio em que vive. A Biodança ou a Biodança Elemental (técnica pessoal que desenvolvi durante o tempo que dei aula), por exemplo, são terapias que auxiliam no bem estar, no autoconhecimento e no equilíbrio interno.

As danças sagradas também nos proporcionam um aprendizado maior e mais profundo, possibilitando a nossa conexão com as divindades, através da sua simbologia ancestral e envolvente. Além de nos proporcionar saúde, bem estar físico, mental e espiritual.

Leia mais: Símbolos da Dança

Bênçãos plenas do céu, da terra e do mar!

Rowena Arnehoy Seneween ®