17 de abril de 2013

Ondas da Consciência

As brumas do cachimbo sagrado
Fluem soltas pelo meu mundo
Dançam envoltas neste bailado
Entre as ondas da consciência

Misto de luz num raro efeito
Produzem partículas de pura energia
E nos conduz ao estado rarefeito
Ao ser observado como uma onda

Ondas de um mar espumante
Despertam o desejo ardente
Que circulam o objeto relutante
Dissolvendo-se na escuridão do todo

Rowena Arnehoy Seneween ®
Todos os direitos reservados.



Arte: Mário Ceallaghan Anderyatt

Pensamento do dia: "Quando os símbolos são traduzidos em movimentos, acordam na alma imagens esquecidas e levam a experimentar uma profunda consciência de nós mesmos." - Maria-Gabriele Wosien.

2 comentários:

Fáilte... Bem-vindo(a)!